28 de fevereiro de 2008

COLÓQUIOS JUVENIS DE ARTE XII(II)


Sessão de Abertura

Apresentação da Campos Melo

Apresentação da Quinta das Palmeiras

Apresentação da Escola Secundária do Fundão

Apresentação da Escola Secundária Henrique Medina (Esposende)

Apresentação da Escola Secundária Diogo Gouveia (Beja)

Apresentação da Escola Secundária de Odemira

Carlos da Maia passou pela UBI

.

Sim, sim ... ele mesmo! Carlos da Maia e os amigos, «os vencidos da vida», estiveram no Anfiteatro da Parada – UBI. Vieram com o grupo SEEPLU, formado por alunos/as e professoras da Área de Filologia Portuguesa da UEX para representar O Fim da Mascarada, uma versão teatral de um episódio do romance de Eça de Queirós «Os Maias», adaptado por Lola Amado.
Professora Maria Celeste Alves
...

Carlos da Maia ao centro, à esquerda o Craft e o Ega disfarçado de Mefistófoles

XII Colóquios Juvenis de Arte na ESCM



Nos dias 28 e 29 de Fevereiro realizam-se os "XII Colóquios Juvenis de Arte" na Escola Secundária de Campos Melo.
O programa é o seguinte:

Dia 28 de Fevereiro
10.00 - Recepção das escolas participantes e montagem de exposições das várias escolas
12.30 - Almoço convívio na Escola Secundária de Campos Melo (ESCM)
14.30 - Sessão de Abertura
15.00 - Apresentação das escolas
15.30 - Apresentação da Cidade
16.00 - Palestras: Mestre José Mouga - Pintor e professor na ESBAL
Dra. Elisa Pinheiro - Directora do Museu de Lanifícios da UBI
18.00 - Fim da Sessão
20.30 - Jantar na ESCM com o apoio da CM da Covilhã
- Noite Convívio no "Espaço Covilhã"

Dia 29 de Fevereiro
10.00 - Visita ao Museu de Lanifícios da UBI
12.00 - Almoço na cantina da Escola Quinta das Palmeiras
14.00 - Comunicações das escolas participantes
19.00 - Sessão de encerramento
...

27 de fevereiro de 2008

Núcleo de estágio de Informática nos dias da UBI

O núcelo de estágio de Informática realizou no dia 26 de Fevereiro de 2008 uma visita de estudo à Universidade da Beira Interior, no âmbito dos Dias Da UBI.

"Pretendeu-se aproximar a escola à realidade universitária e proporcionar aos alunos, o contacto com laboratórios/projectos científicos na área da Informática, nomeadamente jogos comandados por voz, software para detecção e contagem de pessoas, software biométrico e controlo sensorial e remoto por voz.
Foram apresentados os cursos leccionados no Departamento de Informática (DI) e as respectivas saídas profissionais, os recursos humanos e materiais afectos ao referido departamento, o Núcleo de Estudantes de Informática (NINF) e suas actividades.
Participaram nesta actividade, os alunos das turmas A, B e C do 9º ano, tendo os mesmos sido acompanhados pelos professores Júlia Ramos, Márcia Martins e Pedro João".

O núcleo de estágio de Informática

Atelier de Educação Sexual



Decorreu ontem no átrio principal da escola um atelier de educação sexual que foi dinamizado por uma equipa multidisciplinar do Centro de Saúde da Covilhã.
Os alunos puderam esclarecer dúvidas e recolher alguns panfletos informativos com questões ligadas à saúde reprodutiva.
Esta iniciativa faz parte das actividades do grupo EPS, coordenado pela professora Regina Conceição.

Atendimento aos Alunos - Grupo de Educação para a Saúde


No âmbito das actividade do projecto de Educação para a Saúde o grupo de professores que constitui este projecto está a criar um espaço confortável na escola, situado por cima da sala dos professores para atendimento de alunos.
Todos os alunos poderão recorrer a este novo espaço vocacionado para um atendimento descontraído e personalizado.
As obras continuam ainda durante alguns dias mas o local está já a funcionar com o horário específico afixado na porta.

25 de fevereiro de 2008

24 de fevereiro de 2008

Eutrofização do rio Zêzere

«Eutrofização»... Sabem o que é?
Então cliquem na imagem abaixo e vão ter direitinhos ao trabalho da Área de Projecto, de um grupo de alunos do 12º ano da ESCM, sobre a «Eutrofização do rio Zêzere».
.




Bom trabalho!

Aprender a «Proteger o Ambiente»



.....
...
Para além das visitas de estudo já efectuadas, a turma de CEF Técnico de Gestão Ambiental realizou, no passado dia 20 de Fevereiro, uma saída à Central de Tratamento de Resíduos Sólidos Urbanos e Aterro Sanitário na Peroviseu, a ETA e ETAR da Capinha.
O resultado foi muito produtivo, tendo os alunos recebido informações muito específicas e detalhadas sobre o destino que se dá aos resíduos produzidos por todos nós, bem como alguns dos métodos de tratamento de águas para consumo e residuais.
Face à temática "Proteger o Ambiente", tão necessária e divulgada por todos, gostaríamos de aqui registar algumas imagens da realidade que é: o destino dos resíduos; e o que acontece à água antes e depois que sai da torneira.
...


Notícia da Turma dos "Ecopimpolhos", remetida pela Professora Cristina Lourenço

23 de fevereiro de 2008

GRUPO DE TEATRO DA UNIVERSIDAD DE EXTREMADURA REPRESENTA

A convite do Núcleo de Estágio de Português e Espanhol da Escola Secundária Campos Melo e em parceria com o Departamento de Letras da UBI, o TEATRO DA LUA CHEIA, formado por alunos e professores de Filologia Portuguesa da Universidade de Extremadura, Cáceres, apresentará a peça O Fim da Mascarada, no dia 26 de Fevereiro, pelas 11:00 horas, no Anfiteatro da Parada (UBI).

SINOPSE: Através de uma situação cómica, apercebemo-nos da vida diletante e ociosa dos protagonistas, situação que se repercutirá na sua existência falhada. Estes jovens, representantes de uma geração que não tem resposta para os problemas sociais do seu tempo, acabarão por transformar-se, segundo palavras do próprio Eça, no grupo desencantado dos “vencidos da vida”.

O Núcleo de Estágio de Português e Espanhol

22 de fevereiro de 2008

Ilustres Aniversariantes de Fevereiro (III)

Cesário Verde, de seu nome completo José Joaquim Cesário Verde nasceu em Lisboa a 23 ou 25 (conforme as fontes) de Fevereiro de 1855.

Poeta de uma só obra, «O Livro de Cesário Verde», foi das personalidades mais originais e renovadoras da poesia portuguesa do séc. XIX.

«A sua poesia é a dum artista plástico, enamorado do concreto, que deambula pela cidade ou pelo campo e descreve de modo vivo, exacto, as suas experiências. Esta «objectividade» antilírica da sua obra poética não impede todavia a expressão, embora discreta, de ideias e sentimentos que definem o homem situado: o amor da actividade útil, saudável; o respeito pela ciência positiva do seu tempo; a confiança no progresso; a solidariedade com os humildes, vítimas das injustiças sociais.»
Foi Cesário o escolhido pelo Núcleo de Estágio de Português-Inglês para ser "O escritor do Mês de Fevereiro".



Aqui ficam as Contrariedades do poeta e dos mais desfavorecidos.


Eu hoje estou cruel, frenético, exigente;
Nem posso tolerar os livros mais bizarros.
Incrível! Já fumei três maços de cigarros
Consecutivamente.



Dói-me a cabeça. Abafo uns desesperos mudos:
Tanta depravação nos usos, nos costumes!
Amo, insensatamente, os ácidos, os gumes
E os ângulos agudos.



Sentei-me à secretária. Ali defronte mora
Uma infeliz, sem peito, os dois pulmões doentes;
Sofre de faltas de ar, morreram-lhe os parentes
E engoma para fora.


Pobre esqueleto branco entre as nevadas roupas!
Tão lívida! O doutor deixou-a. Mortifica.
Lidando sempre! E deve conta à botica!
Mal ganha para sopas...



O obstáculo estimula, torna-nos perversos;
Agora sinto-me eu cheio de raivas frias,
Por causa dum jornal me rejeitar, há dias,
Um folhetim de versos.



Que mau humor! Rasguei uma epopeia morta
No fundo da gaveta. O que produz o estudo?
Mais uma redacção, das que elogiam tudo,
Me tem fechado a porta.



A crítica segundo o método de Taine
Ignoram-na. Juntei numa fogueira imensa
Muitíssimos papéis inéditos. A Imprensa
Vale um desdém solene.



Com raras excepções, merece-me o epigrama.
Deu meia-noite; e a paz pela calçada abaixo,
Um sol-e-dó. Chovisca. O populacho
Diverte-se na lama.



Eu nunca dediquei poemas às fortunas,
Mas sim, por deferência, a amigos ou a artistas.
Independente! Só por isso os jornalistas
Me negam as colunas.



Receiam que o assinante ingénuo os abandone,
Se forem publicar tais coisas, tais autores.
Arte? Não lhes convém, visto que os seus leitores
Deliram por Zaccone.



Um prosador qualquer desfruta fama honrosa,
Obtém dinheiro, arranja a sua "coterie";
Ea mim, não há questão que mais me contrarie
Do que escrever em prosa.



A adulaçãao repugna aos sentimento finos;
Eu raramente falo aos nossos literatos,
E apuro-me em lançar originais e exactos,
Os meus alexandrinos...



E a tísica? Fechada, e com o ferro aceso!
Ignora que a asfixia a combustão das brasas,
Não foge do estendal que lhe humedece as casas,
E fina-se ao desprezo!



Mantém-se a chá e pão! Antes entrar na cova.
Esvai-se; e todavia, à tarde, fracamente,
Oiço-a cantarolar uma canção plangente
Duma opereta nova!



Perfeitamente. Vou findar sem azedume.
Quem sabe se depois, eu rico e noutros climas,
Conseguirei reler essas antigas rimas,
Impressas em volume?



Nas letras eu conheço um campo de manobras;
Emprega-se a "réclame", a intriga, o anúncio, a "blague",
E esta poesia pede um editor que pague
Todas as minhas obras...



E estou melhor; passou-me a cólera. E a vizinha?
A pobre engomadeira ir-se-á deitar sem ceia?
Vejo-lhe a luz no quarto. Inda trabalha. É feia...
Que mundo! Coitadinha!

Cesário Verde

http://users.isr.ist.utl.pt/~cfb/VdS/v195.txt


http://www.iep.uminho.pt/aac/lic/te/ate04/WQp/verde/frame-CV.htm

21 de fevereiro de 2008

visita dos Cursos CEF e Profissional - Qualific@



Os cursos CEF - Assistente Administrativo, Técnico Administrativo, Operador de Informática, Organização de Eventos e Técnico Comercial e cursos Profissionais - Serviços Jurídicos, Técnico de Contabilidade, Técnico Electrónica, Automação e Computadores deslocaram-se na semana passada à Exponor, onde decorreu a Qualific@ - Feira de Educação, Formação, Juventude e Emprego.
Os alunos da escola visitaram as diferentes valências da feira nomeadamente as áreas de Ensino, Educação e Material Didáctico; a área de Formação, área de Animação e a área de Emprego.
A feira resulta de uma parceria entre o Ministério da Educação e o Instituto de Emprego e Formação Profissional e teve como objectivo apresentar aos milhares de jovens e ao público em geral, a oferta educativa e formativa existente.
O Programa Novas Oportunidades esteve em particular evidência na exposição.
Após a visita à Feira, o grupo de alunos e professores partiu em direcção ao “Estádio do Dragão”, onde tiveram a oportunidade de visitar o espaço exterior.
No final da visita um lanche num centro comercial nas imediações do estádio, antes do regresso à Covilhã.
Notícia enviada pela professora Ana Paula Fernandes

19 de fevereiro de 2008

Eclipse Lunar

Na próxima quarta para quinta-feira à noite ocorre um eclipse total da lua, a partir das 00h35 minutos (hora de Lisboa).Este fenómeno astronómico resulta da passagem da Terra por entre o sol e a lua e é o primeiro eclipse desde o ocorrido no ano passado a 27 de Março.A Lua irá adquirir um tom avermelhado por mergulhar na zona de sombra da Terra.Um fenómeno a não perder para os amantes deste tipo de acontecimento celeste.
Para mais informações consultar o OAL ( Observatório Astronómico de Lisboa) aqui

Workshop sobre Automação

Este Workshop organizado pelo grupo de electrotecnia realiza-se no próximo dia 20, pelas 14h e 30m, no auditório sob a orientação do Eng. Norberto Semião.
.

18 de fevereiro de 2008

Ilustres aniversariantes de Fevereiro (II)


A 6 de Fevereiro de 1608, há 400 anos, nascia em Lisboa António Vieira, missionário jesuíta, defensor do índio brasileiro, diplomata, visionário e, sobretudo, insigne orador e prosador, exemplo maior da agudeza e do ingénio barrocos, no dizer de Fernando Pessoa « o Imperador da língua portuguesa ».


Ora apreciem...



«Dizei-me: qual é mais poderosa, a graça ou a natureza? A graça ou a arte? Pois o que faz a arte e a natureza, porque havemos de desconfiar que o faça a graça de Deus acompanhada da vossa indústria?
Concedo-vos que esse índio bárbaro e rude seja uma pedra: vede o que faz em uma pedra a arte.
Arranca o estatuário uma pedra dessas montanhas, tosca, bruta, dura, informe, e, depois que desbastou o mais grosso, toma o maço e o cinzel na mão, e começa a formar um homem, - primeiro, membro a membro, e, depois, feição por feição, até à mais miúda: ondeia-lhe os cabelos, alisa-lhe a testa, rasga-lhe os olhos afila-lhe o nariz, abre-lhe a boca, avulta-lhe as faces, torneia-lhe o pescoço, estende-lhe os braços, espalma-lhe as mãos, divide-lhe os dedos, lança-lhe os vestidos. Aqui desprega, ali arruga, acolá recama. E fica um homem perfeito, e talvez um santo que se pode pôr no altar.
O mesmo será cá, se a vossa indústria não faltar à graça divina. É uma pedra, como dizeis, esse índio rude? Pois trabalhai e continuai com ele (que nada se faz sem grande trabalho e perseverança), aplicai o cinzel um dia e outro dia, dai uma martelada e outra martelada, e vós vereis como dessa pedra tosca e informe fazeis não só um homem senão um cristão e pode ser que um santo.»


Padre António Vieira, (s.XVII), pregando em defesa dos índios brasileiros - in Sermão do Espírito Santo

Para

16 de fevereiro de 2008

Ilustres aniversariantes de Fevereiro (I)

Fevereiro é, como se sabe, o menor mês do ano.

Mas como os meses não se medem aos palmos, concentram-se nestes comuns 28 dias os aniversários do nascimento de três grandes figuras da cultura/literatura portuguesas.





No dia 4 completaram-se 208 anos sobre o nascimento de Almeida Garrett, autor do «Frei Luís de Sousa», das «Viagens na Minha Terra» e de muitos poemas de amor como este que hoje se publica.
Porque o amor não escolhe datas...






OS CINCO SENTIDOS

São belas – bem o sei, essas estrelas,
Mil cores – divinais têm essas flores;
Mas eu não tenho, amor, olhos para elas,
Em toda a natureza
Não vejo outra beleza
Senão a ti – a ti!

Divina – ai! sim, será a voz que afina
Saudosa – na ramagem densa, umbrosa.
Será; mas eu do rouxinol que trina
Não oiço a melodia,
Nem sinto outra harmonia
Senão a ti – a ti!

Respira – n' aura que entre as flores gira,
Celeste – incenso de perfume agreste.
Sei... não sinto, minha alma não aspira,
Não percebe, não toma
Senão o doce aroma
Que vem de ti – de ti!

Formosos – são os pomos saborosos,
É um mimo – de néctar o racimo:
E eu tenho fome e sede... sequiosos,
Famintos meus desejos
Estão... mas é de beijos,
É só de ti – de ti!

Macia – deve a relva luzidia
Do leito – ser por certo em que me deito.
Mas quem, ao pé de ti, quem poderia
Sentir outras carícias,
Tocar noutras delícias
Senão em ti – em ti!

A ti! ai, a ti só os meus sentidos,
Todos num confundidos,
Sentem, ouvem, respiram;
Em ti, por ti deliram.
Em ti a minha sorte,
A minha vida em ti;
E quando venha a morte,
Será morrer por ti.


Almeida Garrett

Para
http://faroldasletras.no.sapo.pt/folhascaidas.htm

14 de fevereiro de 2008

A Campos Melo na Fórum Estudante(II)


Cuidado com o vírus Storm Worm do Dia dos Namorados

O FBI e o Internet Crime Complaint Center dos EUA alertaram hoje os utilizadores para a iminência de cartões electrónicos do Dia dos Namorados infectados com o vírus Storm Worm. O FBI descobriu que o Dia dos Namorados é o próximo alvo do Storm Worm e está a avisar os internautas para não abrirem cartões electrónicos (e-cards) cuja proveniência não seja confiável. Quando o utilizador carrega num link para abrir o falso cartão electrónico, é descarregado malware para o computador. A máquina passa assim a integrar a botnet Storm Worm, que consiste numa rede de computadores controlados por um único utilizador. As botnets são utilizadas em várias actividades criminosas, como roubo de identidade, propagação de vírus e de spam, entre outras.
Fonte

S. Valentim na Campos Melo



9 de fevereiro de 2008

Visita de Estudo Mafra-Queluz

A par da visita à Lourinhã, os alunos de 12º ano viajaram ontem até Queluz e Mafra no âmbito do estudo da obra "Memorial do Convento" de José Saramago. Os discentes foram acompanhados pelas respectivas professoras de Português, Maria Celeste Alves, Maria José Soares e Otília Mesquita, e ainda pelos professores estagiários do Núcleo Português-Espanhol.
Pela manhã, a visita decorreu no Palácio Nacional de Queluz, marca do Rococó português, onde primeiramente houve oportunidade de passear pelos formosos jardins exteriores e só depois a incursão ao edifício propriamente dito. Durante a visita os grupos foram deparados com situações teatrais que recriavam ambientes próprios da época em que o palácio estava habitado, incluindo no seu elenco "actores" que faziam parte da Campos Melo e no final assistiram a uma peça de teatro na Sala dos Embaixadores com a duração de 15 minutos. À tarde todos se prepararam para visitar o mítico Palácio-Convento de Mafra, fortemente discutido no programa de Português do 12º ano, centro das atenções na obra do Prémio Nobel Saramago. Ocorreu uma divisão em 2 grupos, havendo contrariamente à parte da amnhã, descontentamento por parte de um deles devido à diferença entre os locais visitados (um grupo conseguiu visitar a majestosa Biblioteca e a Sala de Jogos e outro não). No geral, os discentes e docentes visitaram a ala do Rei, a basílica e o telhado do edifício, dialogando até acerca dos aspectos mais importantes referidos na obra do escritor português referido anteriormente.
Durante o dia, os visitantes foram confrontados nos dois locais com a realidade, vida e sociedade do século XVIII, com especial enfoque na família real.
Globalmente, todos se divertiram na viagem de estudo e esta conseguiu incentivar grande parte daqueles que "abominavam" a obra de Saramago e conferir um sentido mais visual e apelativo àqueles que já a leram.

P.S. Aguardamos o envio de fotografias de grupo tiradas por alguns alunos em ambos os locais visitados.

video

10º anos em "Regresso ao Jurássico"




Os 10º A, B e C - dos cursos científico-humanísticos estiveram em visita ao Concelho da Lourinhã, acompanhados dos respectivos professores da disciplina de Biologia/Geologia.

Em visita ao Museu tiveram oportunidade de conhecer os terríveis Lourinhanossaurus - fósseis de dinossauros carnívoros encontrados no concelho que lhes deu o nome e o Dinheirossaurus - fóssil de um enorme dinossauro herbívoro único no mundo, encontrado na localidade de Porto Dinheiro. O Museu da lourinhã possui ainda uma réplica de um ninho comunitário de dinossauros raro no mundo, encontrado na localidade tendo sido considerado em 1997, uma das mais importantes descobertas científicas na área da Paleontologia, pela excepcional fossilização mas também por preservar ossos pequeninos de embriões de dinossauro. Em visita às praias observaram-se diferentes ambientes de sedimentação e fenómenos a nível tectónico como uma falha presente na praia do Caniçal que separa a praia em dois blocos distintos. Os alunos procuraram pelas praias icnofósseis de minhocas - túneis de escavação, fósseis de esponjas e corais, estes últimos importantes indicadores de paleoambientes e rochas calcárias carregadinhas de conchas de ostras, sendo por isso designados calcários biogénicos.No final do dia o cansaço mas a sensação de ter entrado verdadeiramente por um dia, na "Era dos Dinossauros".

6 de fevereiro de 2008

NASA transmite canção dos Beatles para o Universo

A NASA emitiu na passada terça-feira às 00:00 a canção dos Beatles "Across The Universe" no cosmos para celebrar simultaneamente o cinquentenário da agência espacial norte-americana e o nascimento do grupo britânico. A transmissão foi orientada na direcção da estrela polar (Polaris), a mais brilhante da constelação da Ursa Menor, situada a 431 anos-luz da Terra (um ano-luz corresponde a 9.460 mil milhões de quilómetros). Segundo a NASA, a canção viajará no universo à velocidade de cerca de 307.000 quilómetros por segundo.
Vamos ouvir?